Regina Silveira Exposição individual

26 Set 2020 29 Ago 2021 Museu de Arte Contemporânea da Universidade de São Paulo (MAC USP) exposição individual
Regina Silveira, <i>Equinócio</i>, 2002. Foto: João Musa. Cortesia de Luciana Brito Galeria
Regina Silveira, Equinócio, 2002. Foto: João Musa. Cortesia de Luciana Brito Galeria

Exposição retrospectiva de Regina Silveira (1939, Porto Alegre, RS).

Mestre e doutora em Arte pela ECA – USP, onde também foi professora, Silveira é uma expoente da arte conceitual e da experimentação de linguagens e meios, tendo sua trajetória entrecruzada com a própria história do MAC USP. Essa exposição concentra-se nas obras da artista que integram o acervo do Museu, um conjunto que neste ano recebe um importante acréscimo com uma nova doação. Desde os anos 1960, realiza exposições individuais e participa de coletivas selecionadas, no Brasil e exterior. Participou das 16ª, 17ª e 24ª Bienais de São Paulo (1981, 1983, 1998) e de inúmeras outras grandes exposições, como: Bienal de Curitiba (SC, 2013 e 2015); Bienal do Mercosul (Porto Alegre, RS, 2001 e 2011); Bienal de La Habana (Cuba, 1986, 1998 e 2015); 6ª Taipei Biennial (Taiwan, 2006); 2ª Setouchi Triennale (Japão, 2016) e 1a BienalSur (Argentina, 2017). Vive em São Paulo (SP).  

Curadoria: Ana Magalhães e Helouise Costa

Saiba mais sobre a artista aqui.

  1. Caroline A. Jones, Eyesight Alone: Clement Greenberg’s Modernism and the Bureaucratization of the Senses (Chicago: University of Chicago Press, 2005).
  2. Greenberg’s Modernism and the Bureaucratization of the Senses (Chicago: University of Chicago Press, 2005).
Compartilhe
a- a a+